15 de ago de 2016

Programa Revigorante [1ª parte]


       Manter o pique e a saúde, hoje em dia, é mais do que necessário. Afinal, as pressões dos ambientes nos quais circulamos - como trabalho, escola e casa - nos levam ao desgaste e "poluem" nossa vida, provocando cansaço físico e mental.

       Adotar hábitos saudáveis é uma das maneiras mais eficazes de escapar a esse tipo de poluição. Por um lado, eles nos tornam mais fortes e, portanto, capazes de lidar com as pressões de um modo mais sereno e objetivo. Por outro lado, ajudam a eliminar as tensões que vão se acumulando em nosso dia-a-dia e que acabam intoxicando nosso humor e nossa saúde.

       Encontrei no livro Essencial - Guia Prático de Alimentação e Saúde, dezenas de dicas para amenizar os efeitos dessas toxinas diárias e ganhar qualidade de vida. Que tal colocá-las em prática a partir de agora?

       O programa se dividirá em 4 etapas, que serão postadas por aqui semanalmente. São estas:

        1ª Limpeza Interna
        2ª Limpeza Externa
        3ª Limpeza da Mente
       4ª Limpeza Geral do Ambiente

        Atenção: cardíacos, diabéticos, mulheres grávidas e em fase de amamentação não devem fazer o Programa Revigorante.

 Limpeza Interna


         Nada melhor do que começar o programa revigorante com um jejum ou uma dieta capaz de promover a limpeza geral do organismo.

  • Trabalho, escola, filhos, correria fazem com que ninguém consiga se alimentar direito. Sanduíches, frituras, doces são uma constante, e provocam um estrago danado no corpo. Gorduras e toxinas, entre outras substâncias, vão se acumulando. O resultado é o mal-estar generalizado, o cansaço e o estresse.
  • Para dar um "chega pra lá" nessas substâncias, o ideal é jejuar. Antes, porém, converse com seu médico, para saber se isso pode alterar seu estado de saúde, em especial se estiver em tratamento. Cardíacos, diabéticos, mulheres grávidas ou em fase de amamentação não podem jejuar.
  • O jejum limpa o corpo, retirando os resíduos, o "lixo" amontoado no organismo. Essa limpeza, além de livrar o corpo das toxinas, também abre caminho para que os nutriente presentes nos alimentos possam ser absorvidos melhor.
  • O jejum completo - de um ou dos dias - causa fadiga muscular, náuseas, tontura. Por isso, o mais adequado é cortar os alimentos por 14 ou 18 horas. O efeito também é excelente.
  • Faça o jejum num fim de semana ou em um dia em que você possa ficar em casa.
  • Se preferir, você pode fazer uma dieta de 7 dias. Esta dieta ajuda a desintoxicas o organismo, fazendo com que ele aproveite mais os nutrientes dos alimentos.
  • A dieta dos 7 dias proporciona leveza e facilita a digestão e o funcionamento do intestino. A consequência de tudo isso é a perda de peso - bem suave, sem malefícios.

 

Jejum

Fase 1 - Preparação

  • No dia anterior ao jejum, corte das refeições produtos que contenham cafeína e álcool, além de alimentos pesados.

  •  Faça três refeições bem leves, com saladas de hortaliças e leguminosas, frutas e muita água. Se preferir, acrescente um pouco - mas só um pouco! - de arroz.

  • Providencie os alimentos necessários para o jejum: limão, mel, ervas (para chás), suco de maçã, de limão ou uva. Deixe à mão uvas pretas, para o caso de sentir muita fome.

  • Reduza o consumo de café e de chás preto e verde. Tome, no máximo, uma xícara por dia.


Fase 2 - Jejum de 14 horas

  • Pode ser feito uma vez por semana. A vantagem é que você não sentirá muita fome, uma vez que esse jejum acontecer nas horas de descanso e sono: das seis da tarde às oito da manhã.

  • No dia anterior, faça a preparação (fase 1). Às seis da tarde, prepare uma salada com folhas verdes, palmito, tomate e cenoura ralada. Tempere a gosto e coma quanto quiser.

  • Não coma mais nada até a oito horas da manhã do dia seguinte. A cada 45 minutos, tome chá e sucos. A água está liberada - tome o quanto quiser. Se sentir fome ou fraqueza, adoce o chá e o suco com mel.

  • No almoço, volte à salada, acrescentando um pouco de arroz e, se quiser, incluindo alimentos sólidos. Evite exageros. Eles podem perturbar a digestão e causar mal-estar.
  • Procure dormir o mais cedo possível e ponha o despertador para as oito da manhã. Ao acordar, prepare um chá de limão. Tome quando amornar. Coma frutas com iogurte e uma colher (sopa) de granola.

 

Dieta dos 7 Dias

Fase 1 - Uma semana antes do programa

  • Reduza o consumo de café e de chás preto e verde. Tome, no máximo, uma xícara por dia.
  • Para quem não consegue eliminar o uso de bebidas alcoólicas, uma dose pequena, diária, é a quantidade recomendada.
  • Aumenta a ingestão de água. Tome ao menos quatro copos todos os dias.
  • Acrescente às suas refeições duas porções de verduras e legumes, bem como frutas, diariamente.

Fase 2 - Começando
Duração: 2 dias

  • Nos dois primeiros dias você tomará apenas sucos e sopas líquidas. Por isso, procure iniciar a dieta nos dias da semana em que fica em casa, como sábado ou domingo.
  • Se sentir fome, lembre-se de que isso é normal. Nesse momentos, coma uvas sem sementes. Elas ajudam a "enganar" o estômago.
  • Entre um copo de suco e outro, tome água. Ela é fundamental para o processo de desintoxicação.
  • Consuma sucos de frutas variadas e também escolha verduras e legumes frescos para a sopa.

Sugestão de Receita de Sopa

       Escolha 3 tipos de legumes ou verduras, preferencialmente variando as cores entre eles. Lave-os muito bem. Cozinhe com um pouco de água e bata tudo no liquidificador. Tempere com um pouco de sal e ervas.

Fase 3 - Finalizando
Duração: 5 dias.

  • Logo depois de acordar, ainda em jejum, tome um copo de suco de limão. Em seguida, prepare um suco de frutas variadas. Acrescente verduras (alface, erva-doce, agrião) e cenoura. Faça cinco refeições por dia: café da manhã, lanche, almoço, lanche da tarde e jantar. Veja a seguir a lista dos alimentos permitidos.

Em cada refeição principal, procure incluir:

1 porção de cereal integral (arroz, aveia, trigo etc)
1 porção de legumes, de preferência crus
1 porção de verduras

Nos lanches, incluir:

1 fruta fresca
1 copo de iogurte ou 1 fatia de queijo





  

 


Chás para Desintoxicar


       Por provocar a eliminação de líquidos, todos os chás, em geral, ajudam a desintoxicar o organismo. Algumas ervas, porém, são mais eficazes na tarefa de retirar as impurezas do corpo.

Alcachofra
         Pique o correspondente a 1 colher (sopa) de folhas de alcachofra e coloque na água fervente. Deixe no fogo por mais 5 minutos. Depois, espere amornar e coe. Toma 1 xícara antes das refeições.

Alho-poró
         Fatie 2  bulbos da planta e coloque em meio litro de água fervente. Deixe no fogo por mais 10 minutos. Espere esfriar e coe. Vá tomando ao longo do dia. Evite beber o chá depois das 18h, para impedir o efeito diurético quando estiver dormindo.

Assa-peixe
         Leve ao fogo 1 litro de água. Quando ferver, ponha 3 colheres (sopa) de folhas bem picadas. Aguarde amornar e coe. Tome ao longo do dia. Evite beber o chá depois das 18h, para impedir o efeito diurético quando estiver dormindo.

Bardana
         Fatia a raiz. Coloque 1 colher (sopa) dessas fatias em 1 xícaras (chá) de água fervente. Deixe no fogo por mais 5 minutos. Tape por 10 minutos e depois coe. Tome 1 xícara antes das principais refeições.

Capuchinha
         Use 1 colher (sopa) de folhas frescas ou secas para cada xícara de água fervente. Abafe durante 10 minutos. Coe e tome 2 xícaras do dia: manhã e tarde. Evite beber o chá depois das 18h, para impedir o efeito diurético quando estiver dormindo.

Carqueja
         Coloque 2 colheres (sopa) de hastes bem picadas em 2 xícaras (chá) de água fervente. Deixe no fogo por mais 5 minutos, espere amornar e coe. tome 1 xícara pela manhã e outra à tarde.

Cavalinha
         Pique o caule, encha com ele 1 colher (sopa) e ponha em 1 xícara (chá) de água fervente. Deixe no fogo por mais 10 minutos. Tape e coe depois de 15 minutos. Tome 1 xícara pela manhã e outra à tarde.

Chapéu-de-couro
          Coloque, em 1 xícara de chá, 1 colher (sopa) de folhas secas, picadas. Tape durante 5 minutos. Coe. Tome 2 xícaras ao dia.

Erva-doce
         Em uma xícara (chá) de água fervente, ponha 1 colher (café) de frutos. Espere amornar e coe. Tome 3 xícaras ao dia.

Estévia
         Use folhas secas, bem picadas. Coloque 1 colher (sopa) delas em 1 xícara (chá) de água fervente. Apague o fogo e coe, em filtro de papel ou de pano, depois de 20 minutos. Tome 2 xícaras ao dia: pela manhã e à tarde.

Fáfia
         Fatia a raiz e coloque 1 colher (sobremesa) dela em 1 xícara (chá) de água fervente. Tape, espere amornar e coe. Tome 1 xícara em jejum e outra antes do lanche da tarde.

Milho
         Coloque 1 colher (sopa) de cabelo de milho em meio litro de água em fervura. Espere esfriar e coe. Toma ao longo do dia. Evite beber o chá depois das 18h, para impedir o efeito diurético quando estiver dormindo.

Pariparoba
          Coloque 1 colher (chá) de raízes picadas e 1 colher (chá) de folhas picadas para cada xícara (chá) de água fervente. Tape, espere amornar e coe. Tome 1 xícara em jejum e outra antes do almoço.

Sabugueiro
         A medida correta é 1 colher (chá) de entrecascas picadas para cada xícara (chá) de água fervente. Deixe no fogo por mais 5 minutos, espere amornar e coe. Tome 3 xícaras ao dia. Evite beber o chá depois das 18h, para impedir o efeito diurético quando estiver dormindo.

Salsa
          Ponha 1 colher (café) de raízes picadas em 1 xícara (chá) de água em fervura. Espere amornar e coe. Tome 2 xícaras ao dia: de jejum e à tarde.

Tanchagem
         À noite, leve ao fogo o correspondente a 1 copo de água e, quando ferver, coloque 1 colher (sopa) de sementes. Tape e tome no dia seguinte, em jejum.




Dicas Importantes

  • Se sentir muita fome nos intervalos das refeições, em especial nos primeiros dias, coma algum dos alimentos permitidos.
  • O programa de desintoxicação não é de baixas calorias. É preciso ingerir no mínimo 1.200 calorias por dia, para evitar fraqueza, cansaço e problemas metabológicos.
  • Sempre que sentir vontade de "beliscar", tenha à mão frutas secas e sementes.
  • Para conservar os nutrientes dos alimentos, cozinhe-os por pouco tempo. Leve-os ao microondas, à grelha ou ao vapor. Evite cozinhá-los em água, porque eles perdem muito o sabor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário